Portal do Governo Brasileiro

AVALIAÇÃO DAS CHUVAS NAS CAPITAIS BRASILEIRAS EM NOVEMBRO DE 2019

Em novembro, o acumulado de chuva (mm) nas estações meteorológicas convencionais das capitais mostrou que Rio Branco (AC), Belém (PA) e Boa Vista (RR) ficaram acima da climatologia (1981-2010).

Por Luciano de Almeida dos Anjos - publicado 13/12/2019 10h57 . Última modificação 06/03/2020 09h58 .

AVALIAÇÃO DAS CHUVAS NAS CAPITAIS BRASILEIRAS EM NOVEMBRO DE 2019

Região Norte

Em novembro, o acumulado de chuva (mm) nas estações meteorológicas convencionais das capitais mostrou que Rio Branco (AC), Belém (PA) e Boa Vista (RR) ficaram acima da climatologia (1981-2010). Rio Branco ficou 83% acima, Belém choveu 70% acima e Boa Vista registrou recorde, com acumulado de chuva mais de duas vezes acima da climatologia, como pode ser observado na Figura 1. Esse valor representa o segundo dentro do período histórico de 1961-2019, o primeiro ocorreu em 2013, quando foram registrados 251 mm de acumulado mensal. Em Manaus (AM), o acumulado de novembro ficou muito próximo à média e, em Palmas (TO) o acumulado de 112,6 representa apenas 46% da climatologia, enquanto que em Macapá (AP) choveu apenas 22% da climatologia do mês. Observação: em Porto Velho (RO) não há estação meteorológica do INMET.

Figura 1: Dados de chuva nas capitais na Região Norte.

Veja a Avaliação completa para as demais Capitais em:

http://www.inmet.gov.br/portal/notas_tecnicas/2019/Avaliacao_Chuvas_capitais_brasileiras_novembro_2019.pdf